Vagas


A partir do Arlindo:

 vagas2vagas1

Anúncios

Não incluo o mapa anexo para não denunciar a escola em causa. Apenas direi que no mapa das vagas pata concurso aparece com mais de 40 negativas.

Conforme se pode verificar pelo mapa anexo foram declaradas na plataforma electrónica da DGAE vagas a serem preenchidas em 14 grupos de recrutamento deste agrupamento de escolas (************ – *********), perfazendo um total global de 24 vagas.

Na portaria hoje publicada apenas surgem vagas a extinguir ou não abertura de vagas.

Nenhuma destas 24 vagas aparece no mapa.

Estes dados, se bem percebi, também foram enviados para uma ou mais organizações sindicais.

Sobre a questão das vagas:

Caro Paulo

O apuramento que fizemos não corresponde ao publicitado hoje em DR.
Em vários grupos, na sequência de aposentações, havia vagas a recuperar, cuja extinção não foi proposta.
No entanto, não figura nenhuma dessas vagas na Portaria hoje publicada. Apenas figuram as que, de facto, se propôs a extinção.
É importante que se saiba que o agora publicitado não corresponde, na íntegra, ao proposto à DGAE.
Este organismo apenas respeitou, no nosso caso, as vagas que eram para extinguir.

Bom fim de semana,

A

As fórmulas das somas são minhas, portanto, devem estar mais certas do que qualquer documento do gaspar. Embora o documento tenha origem no MEC: Vagas 2013 DIP 188.

Complementarmente…

Apuramento de vagas feito pelas escolas pode não corresponder à realidade, alerta director

Não percebo as declarações do João Dias da Silva. A sério que não. Alguma coisa, nisto tudo, é surpresa para ele?

não há o bálsamo dispersado nas perturbadoras vigílias
que fosse pousado na infinidade surda do lugar
da noite decorrida impura apenas muito longe
 
eu sei
 
ouvir o som do retinir de qualquer cristal fracturado
onde se elevam os dormires dos mundos difíceis
nas visões que não haveremos de beber ou observar
 
os púrpuras incisivos e as outras cores que circulam lentamente
referem-se só à origem do poema desde o seu único início

Muitas para o 1º CEB. Míngua evidente para o 2º ciclo, aquele que estará prestes a ser cilindrado num futuro próximo. Poucas no 3º CEB e Secundário, sem ser para as chamadas Ciências Exactas e Informática.

Isto vai dar um elevadíssimo número de docentes de QZP nas áreas de letras e línguas à deriva.