Teoria Política Aprofundada Da Realidade Portuguesa


Bancos compram hoje dívida pela última vez antes de suspenderem financiamento ao Estado

 

 Segurança Social e seguradoras da Caixa compram dívida pública

 

Dito de outra forma, vão derreter o resto.

E confesso desde já que é uma espécie de resposta ao que o Manyfaces definiu como o encostanço ao Estado. O que a ele faltou foi definir mesmo esses indivíduos como enco(e)stados. Um pequeno passo, simples, quiçá simplório (por isso ele o terá deixado para mim…), mas que aumentaria desde logo a imagética dos tipos políticos nacionais.

Mas o que eu gostaria de apresentar aqui é o conceito do acagachado. Mais em particular do luso-liberal acagachado, que é uma mistura de acagaçado com agachado. É, pois, aquele tipo que se acagaça demais para dar a cara por um projecto, pelo que se agacha atrás de alguém escolhido para testa-de-ferro.

Pedro Passos Coelho não merecia estar rodeado, ou melhor (porque rodear implicaria que alguns ficariam à sua frente, mais expostos aos olhares), empurrado por tantos acagachados, sem coragem para formar o sebastiânico Partido Liberal que arrancaria Portugal às trevas do esquerdismo graças ao apoio de 2 a 3% de vanguardistas. Uma espécie de leninismo de direita, mas sem a parte da determinação.

Disclaimer: Não estou a chamar acagachado ao Manyfaces. Mas ele saberá ao que e a quem me refiro.

« Página anterior