Obediências


… para assegurar a realização da PACC.

O MEC manda os directores das escolas seleccionadas assegurar a realização. Os directores convocam os professores e…

… é esperar para ver como muita prosápia se desmorona.

… do comentador pestanudo. A menos que exista net com ligação à tugalândia lá pelas bandas.

Em comunicado, o Ministério da Educação e da Investigação da Alemanha refere que a conferência, que decorre na segunda e terça-feira, em Berlim, foi convocada pela ministra germânica da Educação, Annette Schavan, e vai juntar os responsáveis pelas pastas da Educação e do Trabalho de Portugal, Espanha, Grécia, Itália, Letónia e Eslováquia.

Pessoalmente, acho que poderiam copiar sem grandes problemas e escusavam de gastar dinheiro com as passagens. Nem percebo bem porque foram convocados, como se fossem meros assessores da ministra Anne. Pensando bem… se calhar já percebo.

Aposto em como nos dias 7, 8 e 9 de Setembro não haverá qualquer greve do Metro, da Carris ou da Transtejo.

Ministério não quer provas e exames com questões demasiado simples

 

O facto de haver perguntas é que é complicado, o GAVE não tem acertado em todas.

Hum!, parece que é hora de medir as metas…

O nível de endividamento gerado pela empresa pública Parque Escolar já ascende a 1,98 mil milhões de euros, entre dívida directa e apoio do Estado, e nos primeiros meses do próximo ano pode mesmo ultrapassar a barreira dos 2,25 mil milhões, segundo os números inscritos no Relatório e Contas de 2009 a que o Diário Económico teve acesso.

Há uns dias Helena Matos escrevia, erradamente, no Público que os alunos eram carne para canhão nas lutas entre sindicatos e ME.

A verdade é que a carne para canhão é a dos docentes, como se fossem marionetas manipuladas por dois bonecreiros em disputa. É contra isso que nos devemos insurgir e não ter receio do epíteto de corporativos (acenada antes pelo ME e agora por alguns comissários sindicais destacados aqui para o blogue).

Pensava-se que ao aceitar ser ministra iria romper com a conflitualidade entre professores, sindicatos e ministério. Conseguirá que os professores pendam para o ministério e não para os sindicatos?

Até tenho uma ambição maior: queria que houvesse uma harmonia de forma a que tivéssemos um entendimento, embora com divergências. Mas não podemos viver com divergências e sem conflitualidade permanente porque é péssimo na relação humana. É preciso que as pessoas dialoguem, que possam mostrar que há pontos de vista que são divergentes e que, quando se chega à decisão, que prevaleça a decisão mais benéfica para o país, para os que estão no sistema educativo e para os alunos.

A ver se nos entendemos: o conflito no mandato anterior foi entre a classe docente e a tutela, sendo que os sindicatos são os representantes institucionais à mesa das negociações.

Pelos vistos, neste mandato teremos de seguir o mesmo caminho, se necessário à cotovelada. De novo. O que já cansa.

Fabulosa pirueta de Alexandre Ventura, a quem parece faltar qualquer coisa, algures na sua anatomia, para se demarcar da resposta que o órgão a que preside deu à Minsitra da Educação:

Parecer do Conselho Científico não chega a dizer se apoia  o prolongamento do ‘simplex’, já anunciado pela ministra, mas o presidente desta estrutura defende que o processo deve prosseguir sem pausas.

O presidente do Conselho Científico para a Avaliação dos Professores (CCAP), Alexandre Ventura, disse ontem ao DN ser “claro” que esta estrutura se opõe a uma eventual suspensão do modelo de avaliação dos professores, ou dos seus efeitos nas carreiras.

“Não defendemos, de maneira nenhuma, que se termine de forma abrupta o que está a ser feito em termos de avaliação”, assegurou Alexandre Ventura, acrescentando que o CCAP também não é favorável à criação de um novo modelo de base, porque isso significaria perder “o que de bom foi feito” .

O professor universitário veio assim esclarecer posições do conselho sobre o processo de avaliação, depois de ontem ter sido divulgado um documento que não permitia perceber se eram favoráveis à manutenção do actual modelo.

ng1169435

Página seguinte »