A TVI tinha noticiado que existiam 137 clientes portugueses no banco suíço HSBC. Sabe-se agora que um deles é a Fundação Ilídio Pinho, sediada no Porto, e que tem ligações a um ex-ministro e atual deputado.

Ligado a esta fundação estaria o deputado social-democrata Couto dos Santos, segundo o que aparece no site, que o apresenta como membro do conselho de administração. A conta teria pouco mais de mil euros.

A Fundação Ilídio Pinho confirma ao Observador que “teve uma conta no HSBC na Suíça, que encerrou no ano de 2007, como consta no relatório de contas”.

Por sua vez, o ex-ministro Couto dos Santos disse, por sua vez, que já não faz parte da direção “há dois anos”, sendo apenas consultor para o projeto ‘Ciência na Escola’. Além disso, garante desconhecer qualquer informação relacionada com uma conta no HSBC.

Anúncios