Mais uma distracção? Ou continua com falta de dinheiro?

Por outro lado, o que dizer da sua afirmação, em 2012, de que os reformados recebem mais do que pagaram?

E ele, como será?

Exp7Mar15

Expresso, 7 de Março de 2015