Machete diz que a troika pode dever “reparações” a Portugal

Declarações do ministro dos Negócios Estrangeiros destoam da posição de Luís Marques Guedes, para quem as declarações de Juncker foram “infelizes”, e das palavras de Passos Coelho, que esta manhã disse que a “dignidade dos portugueses nunca esteve em causa”.