… a completa vergonha que se está a passar nas urgências dos nossos hospitais e no sector da Saúde, mais em geral?

Tenho procurado não comentar isto, porque é demasiado sensível e porque – sinceramente – esperava que alguma coisa mudasse após as primeiras ocorrências fatais.

Será que já atingimos este nível de desprezo pela saúde e vida/morte alheias?