um tipo vai de fim-de-semana semear as nabiças e quando regressa – mudou tudo, só se aplaude em diferido: o fêquêpê perdeu, já não há secretário de estado e perdeu o fêquêpê!