… num ranking internacional de competitividade, mas que é uma subida que o salsichómetro do actual PM parece desconhecer, atendendo ás suas recentes intervenções sobre esta área da desgovernação.

Mesmo que Nuno Magalhães possa estar equivocado em algum detalhe (ou o ranking ser diferente do que estou a pensar), não deixa de ser curiosa a forma como o CDS diverge na leitura das coisas…

E obriga o PM a elogiar o recuo do abandono escolar, mas apagando que a evolução não se refere aos últimos anos,mas sim a um intervalo de duas décadas.