Comunicado: E depois do caos?