Terça-feira, 17 de Junho, 2014


Lloyd Cole and the Commotions, Forest Fire

… mas admito que existam outras alternativas que firam menos as sensibilidades mais sensíveis, tipo césardasneves.

Propostas para incentivar a natalidade serão entregues ao Governo em Julho

Entretanto…

Escolas receiam retrocessos na educação sexual

 

Porque conseguir sucesso com 1700  num universo de 13000 alunos não me parece propriamente uma coisa extraordinária! afinal é pouco melhor do que ter sucesso com 1 aluno em cada 9.

Não quero estar a menorizar um trabalho meritório, pois bastaria um aluno para valer a pena, mas… tanta conversa… tanto sucesso… e… afinal… a coisa tem uma taxa de sucesso de 12-13%?

“A Epis criou 1700 novos bons alunos” em 60 municípios portugueses desde que foi lançado em 2007, sintetizou ao PÚBLICO o director-geral da associação, Diogo Simões Pereira. Ou seja, do universo de 13 mil alunos apoiados desde o início, mais 1700 alunos, relativamente àquilo que eram os números antes da intervenção dos mediadores, tiveram aproveitamento escolar e passaram de ano. Em média, todos os anos, a proporção de alunos que passaram de ano aumentou em 12 pontos percentuais.

Repito… não quero ser bota-abaixo, mas as minhas expectativas eram muito mais altas em relação a esta iniciativa da EPIS… pois as intervenções que se fazem em muitas escolas, sem todo este aparato, não é raro conseguirem melhores taxas de sucesso…

Realmente… nada como uma boa estratégia político-comunicacional…

E se eu dissesse que conheço quem tenha atingido 100% de sucesso nos exames de final de ciclo com alunos com NEE integrados nas turmas regulares?

Também posso dizer a quem o conseguiu que vão ser recebidos na Assembleia da República e que podem ser apoiados?

E que a sua experiência deve ter como horizonte todo o país?

… para acabar sempre da mesma forma, todos a dar palmadinhas nas costas uns dos outros.

Universidades suspendem colaboração com tutela por divergências sobre orçamento

Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas diz que aos 30 milhões que estavam em falta é preciso somar agora 55 milhões que decorrem do chumbo do Tribunal Constitucional.

Caro Rocha Miranda e companhia,
Muzzio, Melo, Cibrão, Arnaldo e Andrade,
Enfim, a toda a mais comunidade
Manda saudades o Joaquim Maria.

Sou forçado a não ir à freguesia;
Tenho entre mãos, com pressa e brevidade,
Um trabalho de grande seriedade
Que hei de acabar mais dia menos dia.

Esta é a razão mais clara e pura
Pelo qual, meus amigos, vos remeto
Uma insinuação de vagatura.

Mas, na segunda-feira vos prometo
Que haveis de ter (minha barriga o jura)
Mais uma canja e menos um soneto.

[Machado de Assis]

 

Aqui.

 

 

Diz que a açorda vai ficar sem coentros.

 

O IAVÉ já divulgou (Português 91 | Prova Critérios de classificação),

Saiu o Brás Cubas. Pessoalmente, preferia o Quincas Borba.

Já nem falo no Dom Casmurro, um bom título para a minha pré-autobiografia.

Em tempos de AO, alegadamente por causa do mercado brasileiro, é uma opção subversiva.

A Autoridade Aduaneira e Tributária entrou em divergência comigo. E tudo por menos de 72 euros sujeitos à retenção de pouco mais de 11.

Isto é que é rigor.

Já me justifiquei, fustiguei e declarei de novo.

Educação: Um ano de inconseguimentos

… pelo que só agora tive hipótese de destacar.

Exp13Jun14PSG

Expresso, 13 de Junho de 2014

… não deu para um substancial perdão da dívida (directa ou indirecta) à Alemanha?

Antero144

(c) Antero Valério

 

O Zedeje era profe e ficou administrativamente  sem trabalho. Foi celeradamente contactado pelo CTE de áqueda, ” ou vens aqui já ou estás «piiiiiiiiiiiiiiiiiii»”, “a gente até te passa um certificado reconhecido por nós”.

 

Eu, Zedeje, vou só fazer mais uma tentativa para obter o incumprido. Depois irei foguetar gorduras insufláveis.