Isto é por causa do aplauso colectivo: o conjunto aplaude medusas e gárgulas e mântuas e óbvias insectas.

Ou, na dúvida, aplaude: só se vive eternamente se não se defuntar eternamente agora.