Quinta-feira, 27 de Março, 2014


Lilly Allen, Air Balloon

Anúncios

A ideologia cega-os!

Cáritas Europa diz que a austeridade não está a funcionar e que há cada vez mais pobres

Malandragem. Não conseguem ver o quanto “o país” está melhor.

O primeiro-ministro Passos Coelho esclareceu que a nova fórmula para o cálculo das pensões que, segundo avançou uma fonte do Ministério das Finanças visa substituir a atual Contribuição Extraordinária de Solidariedade (CES), não passa de “mera especulação”. Passos garante, a partir de Moçambique, que o Governo ainda “não tomou qualquer decisão”.

O engraçado é por cá darem tudo por adquirido e decidido quando o país com mais falantes de Português ainda está a ver se…

Mudanças nas regras da Língua Portuguesa serão reavaliadas

(…)

O Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa ganhou novo prazo para a implantação definitiva: foi ampliado até 2016, para que haja mais discussão em torno do tema. Professores e estudantes do Brasil, Portugal, Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste, que têm o português como língua oficial, têm até julho para debater mudanças e fazer sugestões. As melhores propostas serão selecionadas em setembro, no Seminário Internacional Linguístico-Ortográfico da Língua Portuguesa, que será realizado em Brasília. Após os debates, os governos dos países de Língua Portuguesa terão aproximadamente um ano para determinar o que deve ser simplificado.

O problema é que parece que mais do que a depilação actual, há quem queira mesmo uma completa brazilian wax ao nosso idioma escrito.

… porque ganham imenso.

Só nestes casos é que não somos suecos.

Hourly labour costs ranged from €3.7 to €40.1 across the EU28 Member States in 2013

CustoHoraE depois gosto imenso do argumento demográfico da quebra da natalidade, quando Portugal até mantém uma taxa acima da maioria dos países da UE:

Fertility

Gráfico retirado daqui.

Trying to Close a Knowledge Gap, Word by Word

E depois há todo o lado negro do pretenso sonho americano de sucesso…

Close to a quarter of all American children now live in poverty. More than half of all children age 2 and under are cared for during the day by a parent or relative, according to a McCormick Foundation analysis of census data.

To reach those children, educators say they need to focus their efforts on the home.

Cartaz2

Página seguinte »