Sexta-feira, 28 de Fevereiro, 2014


… causado pela postura de avarento Tio Patinhas.

Governo estende rescisões com professores por mais quatro meses

As rescisões por parte dos professores pretendiam-se muito mais do que as que surgiram para ser possível:

– Amputar ainda mais os corpos docentes dos seus elementos mais experientes mas mais caros.

– Criar uma almofada para simular uma vinculação extraordinária de contratados de longa duração.

Se saíssem 8 a 10.000 seria possível vincular uns 2000-25000. Mas saindo apenas uns 2000-2500 é difícil, nas contas sovinas do MEC, vincular 500 ou pouco mais…

Esclarecimento da DHEstE que chegou por mail, mas eu coloquei em ficheiro word, para maior facilidade de consulta: rescisões.

Para além da alínea c) que explica que o vencimento base para calcular as “compensações” é o de 2013, com a respectiva redução, gosto em especial da alínea d) que prova que o 10º escalão (índice 370), usado com o seu valor nominal para muitas comparações internacionais em que os docentes portugueses aparecem com um topo salarial aparentemente muito alto, não passa de uma ficção:

d) Não se encontra ninguém a vencer por este escalão, devido ao congelamento das progressões.

PRÓ-ORDEM REUNIU NO MEC PARA NEGOCIAÇÕES SOBRE CONCURSOS

A Pró-Ordem reivindica a realização em 2014 de um concurso geral interno e externo com declaração de todas as vagas e a sua recuperação automática

Antes os cagarros.

Cavaco não envia novo corte das pensões para o Tribunal Constitucional

Foto2134

. refazer do vento que me regenere
e renegar do gabinete a ar a depressão violenta
concerto para piano e orquestra surda
e coisas que cegam por ausência extrema
tal e qual como daquela vez contínua

teutónicas as musas fluem desorganizadas
num charco de confusões de urtigas brandas
brancas como olhares perecidos de cancro
ou azuis ou verdes pântanos e todas pretas

ide consolá-las ó meu sonho de noites claras
ouvi o ronronar espreguiçado do ferro da obliquidade
na balança que vos for mais infiel e gritai
com dores que a realidade está inclinada
para todas as dimensões que se contam depois.

[eu]

« Página anterior