Há demasiada gente a precisar de aprender a ler e a entender o que está escrito em frases manhosas. O que vem no guião do Portas é:

GuiaoEdu7

A ver se nos entendemos: o que é da propriedade e gestão dos professores é o “projecto”. Depois contratualizam o serviço e o uso das instalações…

No que difere isto de um contrato de autonomia? Na prática em muito pouco para os professores. Isto é o que já fazem quando uma escola tem um projecto educativo feito como deve ser, em diálogo interno.

Mas pode significar muito para outros que usem grupos de professores para entrar na exploração dos equipamentos da rede escolar pública!

E reparem no uso do convidar para o procedimento concursal…