O MEC fez circular uma nota em que afirma existirem 2185 professores com horário-zero (DN, Público).

A mim deve estar a falhar qualquer coisa, pois a soma dos não colocados dá-me mais de 6000 candidatos. Reparem só nas listas dos grupos 100, 110 ou 300 que no conjunto somam mais do que aquele valor. Vou em busca da origem do meu erro ou falha de raciocínio.

O Arlindo atingiu um valor semelhante ao meu.