… acerca da carreira docente, da sua especificidade, da sua alegada horizontalidade, etc, etc. A verdade é que muita gente continua, em parte por falta de conhecimento aprofundado das questões, a pensar na base da narrativa socrática que este governo não explicita de forma tão aberta mas que continua a espalhar pelos corredores sombrios.

Não posso dizer que me surpreenda mas esta exterioridade dos olhares sobre os professores faz-me sentir, em certos ambientes, uma espécie de D. Quixote com as formas de Sancho Pança (minus o asno de transporte)