O ministro do Desenvolvimento alemão, Dirk Niebel, apelou que os produtos à base de cavalo retirados do mercado por terem um rótulo falso sejam distribuídos aos pobres, numa entrevista ao diário Bild publicada este sábado.

A inspiração deve ter sido recolhida em Portugal, em meados de 70, quando em certas zonas do país se tornou comum a existência de talhos assumidamente especializados na venda de carne de cavalo.