Foi um erro desde o início. Não era treinador para este contexto, esta equipa, este manicómio em que se tornou o Sporting.

Apenas mais um de uma longa lista de asneiras da actual equipa directiva. Desde Paulo Bento que tem sido um corropio de treinadores, jogadores (contratados à meia dúzia lá fora, enquanto se dispensam os da Academia), directores desportivos, todos sucessivamente queimados por uma cambada de dirigentes incompetentes e vaidosos.

Vercauteren deixa o Sporting, Jesualdo assume a equipa