Hoje perorou-se muito sob o lema “as dúvidas” do man-pr.

E das dívidas? Isso é que era!