O senhor director engenheiro (ou equivalente) Agnelo assim o afirma numa patusca auto-crítica:

Dr. Guinote, em boa verdade, os funcionários públicos não pagam impostos.
O que na realidade se passa, é que aos funcionários públicos é deduzida uma parte, atualmente uma grande parte, do dinheiro dos impostos que lhes é atribuído a título de vencimento.

Admito… por uma vez alinho na crítica ao despesismo desnecessário com o que se paga a certos directores… mega-inchados.