Interessante ler como se tentava expandir aquilo que agora se faz tudo para contrair, acentuando os desequilíbrios e clivagens que fracturam a coesão do país.

Os edifícios escolares do ensino primário no distrito de Bragança, 1820-1910