Nobel da Paz Obama vs Europa

 

Os Prémio Nobel , talvez devessem, como tudo que hoje em todo o lado acontece, ser muito mais consistentes, transparentes e fidedignos. Este ano temos um Nobel da Literatura unicamente para ser simpático à China. Convém, pode vir a ser a primeira potencia Mundial (em dinheiro).

Sabendo-se que na ultima década o único politico competente à face da Terra foi e é Obama, e o resto são pior que maus, ter-lhe sido atribuído o Nobel da Paz antes de  ter conseguido fazer obra, – que o tivesse dado a merecer  –  foi não propositado e não necessário. E sabemos que não tem sido fácil o tempo de Obama, mas sabemos que pelos mais diversos motivos, ainda não conseguiu acabar com a Prisão de Guantanamo – por exemplo – , algo que foi estipulado acontecer no primeiro ano de mandato. Não aconteceu e no fim do mandato, que se espera seja continuado para segundo, Guantanamo está aberto. E paz mundial,  oriunda dos EUA é miragem….

Esperamos um Obama sempre persistente, mas de facto sendo o único elegível e digno de ser capaz de o ser, tem feito pouco. Claro que um outro teria sido mais desastroso, como será a partir de Novembro próximo se Obama não ganhar. Um Nobel da Paz, porquê? Para quê? Fora de tempo e de razoabilidade!!! Foi, mais um…

Quanto à Europa e o Nobel da Paz, só se for para evitar – prevenir –  que haja mais uma Guerra Mundial começada em força na Europa.

 A Europa não se entende, não está unida, tem uma moeda que abrange parte dos países supostamente unidos que não está a resultar, essencialmente para os menos bem considerados, ou seja os do Sul.

A Europa sempre foi um espaço muito diferenciado, e que deveria, deve, deverá ser unido. Talvez tenha sido erro começar por unir pelo telhado, ou seja pela “porcaria do dinheiro”, e agora, como seria  de esperar o ” ter tomou conta de tudo”, e havendo pouco “ter” está tudo a ruir. E o telhado está sem suporte. E atribui-se um Nobel da Paz, para ver se não entramos em mais um Guerra? como foi para ver se Obama conseguia ser pacificador?

Esperemos que Obama seja reeleito, mas o Nobel da Paz não lhe foi merecido, continuando a ter que se estar certos que é – ainda – o único politico classificado existente neste tempo na Terra. O resto, são piores que mau!!! Todos!

Quanto à Europa enquanto não houver dignidade de encontrar melhores e mais capazes políticos nas Centrais Europeias e em cada País Europeu, não vamos lá. Tudo o que temos é mau.

E talvez esteja chegado o tempo de pela Paz de facto lutar, com dignidade, transparência, Cultura, unidade, respeito, humildade, verticalidade e menos imbecilidade. e depois viria o Nobel da Paz!!!!!!

 

Augusto Küttner de Magalhães

Outubro de 2012