É preciso refazer as contas” do programa de ajuda financeira

Para Nuno Melo, os erros assumidos pelo FMI nas previsões sobre o impacto da austeridade devem levar a uma reavaliação do programa de ajustamento. Mas defende que a iniciativa deve ser da troika para todos os países intervencionados