Lá dentro só Mota Amaral merece respeito completo. E não falo só de laranjas. Se todos os crentes fossem como ele, eu seria também. Ou pelo menos um ‘cadinho.