Professores acusam escolas e o ministério de falta de transparência e de não cumprirem a lei.