O fabuloso destino dos jovens assessores do Governo Passos

Apelidos certos. Cartões certos. O currículo é o que menos interessa. Passos Coelho pode fazer, qual Aníbal, o papel de homem sério, mas os fungos crescem em seu redor e à sua sombra. E há quem saiba que eu sei que muitos destes são tão tenrinhos que não aguentavam 15 minutos de conversa…