Cânticos do princípio ao fim do jogo, mesmo depois de estar a perder 4-0. Fantástico. Arrepiante. A merecer profunda vénia.