Precisa de umas papas de aveia pela manhã, para ganhar um pouco mais de carapaça e poder de choque.

Este tipo de notícias, assim como ter o ministro Relvas e um dos seus secretários de Estado na comunicação social a garantir que ele não vai sair do governo é um bocado triste. Um super-ministro ter de aturar um colega (por hiperactivo e picareta falante que seja) e um subordinado político) a deitarem sentença sobre o seu destino é pouco menos do que insuportável. Isto sem falar num putativo sucessor à espera do lugar.

Governo. Passos Coelho segura Álvaro Santos Pereira… até ver

Ainda por cima, parece que o próprio PM está interessado em dar a entender que o minsitro só não sai porque ele não quer.

E o Álvaro, não tem voto na matéria?