Sexta-feira, 2 de Março, 2012


Animotion, Obsession

Na falta de um EP dos New Order, dava bem conta do recado.

Certos comentadores e conselheiros que, em on ou off, acham que são mais profundos, sérios e tal do que os outros (tipo este, para não falar no mafarrico sempre a anunciar o apocalipse umbilical e em outras criaturas desaparecidas em combate). A verdade é que, em desaparecendo, passados uns tempos, tornam-se memória simples e a vida continua. Há quem tenha uma espécie de sentimento de superioridade que me espanta. Como me espanta quem acha que este blogue tem de ter fórmula única ou obedecer a lógicas exteriores ao feitio de quem o faz. Não está nos horizontes mas, caso deixasse de existir o Umbigo, a vida continuaria na mesma. Insubstituível só o Relvas, enquanto não for substituído.

Capisce?

Dividem em dois intervalos (8 a 14, 15 a 21 horas), os horários incompletos a que se pode concorrer.

Mudam as exigências para a 1ª prioridade do concurso externo (indivíduos qualificados profissionalmente para o grupo de recrutamento a que se candidatam, que tenham prestado funções docentes num horário anual não inferior a 12 horas lectivas, em dois dos seis anos lectivos imediatamente anteriores ao da data de abertura do concurso).

As más notícias é que a mobilidade interna agora aplica-se a docentes de carreira para quem não existam pelo menos 6 horas lectivas.

No entanto, tal mobilidade interna, não havendo voluntários para sair, deverá ser determinada pela graduação profissional.

Mas ainda não li tudo.

Fica aqui o documento da proposta na íntegra: PropostaMECConcursos2Mar.

Adenda: Como complemento o post do Ricardo Montes:

Primeira análise à 2.ª versão da proposta de diploma concursal (MEC)

Em nome do pluralismo.

DN, 2 de Março de 2012, imagem surripiada no FBook do autor.

Já não precisamos de emigrar e em 2013 voltamos a enriquecer doidamente como antes?

Recessão termina em 2012, sublinha Passos Coelho

Iniciativa do Departamento de Educação de Nova York.

A página que se segue é retirada de uma peça da Visão desta semana. Apresenta seis níveis de utilização da net. A generalidade dos frequentadores do blogue, assim como eu, usam(os) os dois primeiros níveis, mesmo quando nos ligamos a redes sociais ou quando se usam nicks, mas sem disfarçar a origem da navegação.

Já os mafarricos que navegam anonimamente, que usam técnicas cyberstalking e outras formas de actuação cobarde, usam recursos pelo menos o nível 3 (o 4º de profundidade) que está – adequadamente – bem mais próximo do lodo virtual do que da luz. É o nível da pirataria informática.

O objectivo é, teoricamente, não serem detectáveis, mas os maus aromas notam-se por muito que se encubram. Há quem, não tendo vivido a clandestinidade real, mesmo quando fabricam passados, resvalam para pseudo-clandestinidades virtuais, em busca de um heroísmo bacoco, que a penugem que lhes sobra na nuca deveria desaconselhar. 😆

Visão, 1 de Março de 2012

Não deixa de ser interessante como o Umbigo e o Blog DeAr Lindo se conseguem intrometer no top 50, sendo que se fizermos uma selecção mais política, ficamos no top 10, sendo o resto projectos de colectivos quase profissionais da opinião. O Abrupto está em 89º, o AspirinaB em 90º, o Corta-Fitas em 96º… e muitos outros…

Há quem se incomode com estas comparações e há os que desdenham por não aparecerem e se esconderem, mas… a caravana continua a passar…

O ranking é de hoje, 2 de Março de 2012.

E quantas andam encobertas debaixo de tantas e variadas maquilhagens…

Portugal tem maior prevalência de doenças mentais

Portugal tem maior prevalência de doenças mentais e depressões graves do que os países vizinhos latinos, de acordo com os dados preliminares do primeiro estudo internacional sobre o tema.

Recolha do Livresco:

  • A Ovelha Perdida:

O espírito e a letra

  • Agenda Cascais 31:

Narizinho enganador…

  • Debaixo dos Arcos:

Ventos da reforma…

  • Delito de Opinião:

Pontos nos is (11)

  • Luminária:

Autarquias: A dança de cadeiras e corrupção

  • Pegada:

Afinal a limitação de mandatos não é bem isso…

  • Psicolaranja:

Bem dito!

  • Viver Ramalde, Viver o Porto:

Limitação de mandatos ou “batota”…

  • Volta do Duche:

LIMITE DE MANDATOS

«Rebentou a bolsa de águas do desemprego»

Comentário de António Perez Metelo na TVI24

Q&A: What’s Going on With Gasoline Prices?

Por cá o aumento vai a par com o reajustamento das tarifas dos transportes públicos levando a que muita gente, em poucos meses, veja o orçamento destinado às deslocações para o trabalho saltar uns 10% e anda tudo mansinho…

Caro Paulo Guinote,

Sou o coordenador da Área de Educação do Movimento Partido do Norte (http://pelonorte.blogspot.com/ ou http://www.facebook.com/MovimentoPartidoNorte).

Por entendermos que a Educação é a base do desenvolvimento harmonioso da sociedade, decidimos há cerca de dois meses iniciar um trabalho com vista à identificação de acções de melhoria.

Numa fase inicial, pretendemos fazer uma recolha alargada de opiniões, que terão como ponto de partida o questionário que preparamos.

(…)

Os links relevantes são os seguintes:

(…)

Com os melhores cumprimentos,

Diogo Quental

Aquele bichinho amarelinho, fofinho, redondinho, que anda a treze metros de profundidade, nhac-nhac-nhac, e come as pedras todas? Não conhecem?

pratiquei o TIG. Sem adição.

Na próxima será com.

Não há nada como diversificar para não calcificar e não ter de emigrar.

Detestaria ter de fazer algo sugerido por almofadinhas.

Chabbert

Página seguinte »