Pedida suspensão da imunidade do Presidente da Alemanha

A Procuradoria de Estado em Hanover requereu ao Parlamento Federal a suspensão da imunidade do Presidente por suspeita de peculato e corrupção.

A suspeita reporta-se à altura em que Christian Wulff foi ministro-presidente da Baixa Saxónia. Só a suspensão da imunidade, inédita na História da Alemanha federal, permitirá à procuradoria avançar com a investigação de diversas acusações que, há semanas, colocam o Presidente alemão na mira de críticos de todos os partidos.

Prisão de Isaltino. Procurador acusa juíza de actuação kafkiana contra o Ministério Público

Há uma sentença transitada em julgado que manda que Isaltino cumpra dois anos de prisão. O prazo de prescrição corre e a juíza não aceita os mandados. O procurador recorreu para a Relação.

Isaltino é “case study mundial”

Magistrado Luís Eloy faz duras críticas à juíza que não prende Isaltino.