Meia hora é, portanto, um quinto de oito horas…

Não há-de a nossa economia estar de rastos… se os representantes dos patrões são deste calibre!

Porque não 40% ou mesmo 60%…, afinal o trabalho torna-nos mais livres, certo?

Patrões querem poder cortar salários até 20%

Meia hora está morta. Empresas propõem agora redução dos custos salariais

Os patrões estão determinados a reduzir os custos laborais das empresas. Entre as medidas que apresentaram ao Governo e aos restantes parceiros para substituir o aumento de 30 minutos do horário de trabalho, estará uma redução até 20% do tempo de trabalho e um corte de salário proporcional, bem como uma alteração do regime de compensação de faltas.