Sindicalistas gregos manifestam solidariedade frente à embaixada portuguesa em Atenas

E não se arranjou mais nada? Só os gregos? Cadê os italianos, os espanhóis…o proletariado global?

E com os indignados, alguém se solidarizou?