Terça-feira, 25 de Outubro, 2011


The Strokes, You Only Live Once

Passos Coelho explica porque não retirou os subsídios aos trabalhadores do privado.

Mais explicações.

A sociedade lusa de cambões e o silêncio de Marinho e Pinto sobre a avença

Loures, escola João Villaret, Bullying, pais acusam um grupo de alunos mais velhos de agressões continuadas.

Pego, Abrantes, luta entre alunos de 10 anos, agressão ao pontapé, com guarda-chuva, lápis e com cadeira. Segundo a escola, um conflito normal.

Alijó, professor de actividades de enriquecimento curricular acusado de crimes de abuso sexual e de maus tratos.

Característica comum, estas duas últimas acontecem em actividades de enriquecimento curricular

Teixeira dos Santos esteve “prestes a demitir-se” no início de 2010

Ex-ministro admitiu que esteve “prestes” a demitir-se quando foram aprovadas as alterações à Lei das Finanças Regionais devido à Madeira.

Teixeira dos Santos, que falava durante uma conferência na Universidade Lusófona em Lisboa, respondia a questões sobre os problemas nas contas da Madeira e lembrou as alterações feitas à Lei das Finanças Regionais em 2007.

Adaptado de um mail da Isabel Guerreiro:

Filosofar em Paris…
Alguém quer imaginar um bom enredo para esta sequência de factos?
.

11 de Fevereiro de 2010

Depois da Votorantim, Camargo Corrêa também adquire fatia da Cimpor

27 de Maio de 2010

Sócrates quer empresas nacionais na organização do Mundial de 2014

21 de Setembro de 2010

Armando Vara é o novo PCA da Camargo Corrêa África

4 de Dezembro de 2010

Sócrates conta com apoio do Brasil. Saiba para quê

1 de Janeiro de 2011

Sócrates quer cativar principais empresas brasileiras

9 de Junho de 2011

Dilma oferece emprego a Sócrates

22 de Setembro de 2011

José Sócrates paga almoços em Paris

18 de Outubro de 2011

Sócrates foi recusado duas vezes em Paris e deverá ser assessor da Presidenter Dilma Rousseff em Paris

20 de Outubro de 2011

Cimentos: Vorantim e Camargo Corrêa preparam OPA sobre a Cimpor

… e deixaram o caruncho da Madeira entrar. Ainda sai de lá com promessas.

Não fosse o Baudolino, acreditava; não fosse o Jackson, riria.

O que pensam disto os eunucos e os mortos-vivos, pela ordem indicada, porque sem ordem não há verbo, de um e de outro?

Améns.

  Aqui 

 

por ainda não ter sido processado por algum (m/f/g) idiota.

É azares atrás de azares, sacraste!…

Seguramente indicado para o Conselho Geral de Estudos Judiciários.

… porque não há-de confiar um inocente?

… menos argumentos que, mais do que parvos, nos tomam por parvos.

O PM afirma que se estendesse o corte dos subsídios ao sector privado (de uma forma que fosse mais equitativa para todos os trabalhadores) isso não seria uma medida credível no plano externo porque significaria um aumento da receita e não uma diminuição da despesa.

E justifica-se assim:

«Dir-se-ia que Portugal não está a fazer [o] ajustamento, Portugal está é, de forma interina, a aumentar a carga fiscal para do lado da receita corrigir os desequilíbrios que tem», explicou.

Ora bem: cortar os subsídios dos funcionários públicos não é uma medida interina? É uma medida estrutural? Consiste a reforma da administração pública deste Governo no corte do pagamento dos 13º e 14º meses aos funcionários públicos?

É isto uma medida não interina?

Assim sendo é a confissão explícita de uma inconstitucionalidade flagrante.

Se não há dinheiro e tal? Mas então a constitucionalidade só conta para uns em situação de emergência? Porque deve a Lei ser atropelada em toda a extensão só para alguns?

Não deveria ser para ninguém mas, em o sendo, porque pagam uns por todos?

… sobra-lhe dinheiro…

O cenário tem lugar à hora de almoço

 

Ministro quer gestores de carreira ao lado de desempregados

Privilégios vitalícios

Criticar as subvenções dos políticos, os seus subsídios e privilégios vitalícios é fácil, é populista, é até arrebatador. Pois é. Mas é também necessário. O sol, quando se põe, é para todos. Incluindo para os que sempre andaram na penumbra.

Chegam-me ao mail casos caricatos, uma e outra vez. Para que servem CCAD que desrespeitam os próprios critérios?

Aqui.

Para alguns é 10.000 euros. A minha vale muito mais. Aliás, pago metade dos meus salários de um ano para a manter, se necessário for.

Há diferenças entre vertebrados e invertebrados.

Sei que há alguns encobertos felizes, mas no fim acertamos as contas.

Matam homem só para roubar tabaco e TV

O pasteleiro Sebastião Fernandes, 60 anos, não resistiu às facadas e morreu. Os três assaltantes da Pastelaria Ovni também atacaram o seu patrão que sobreviveu. É mais um crime violento a atormentar a Margem Sul.

Página seguinte »