Só inaugurações de sedes em período de campanha eleitoral.

(e isto não é anti-sindicalismo, é anti-opacidade nos acordos)