Pode acreditar-se no “estado” enquanto nenhum político for definitivamente encarcerado?

obs.: tirando o actual putsh envergonhado.