Terça-feira, 20 de Setembro, 2011


Lou Reed, Dirty Boulevard

Fez-nos bem, muito bem, esta demora:
Enrijou a coragem fatigada…
Eis os nossos bordões da caminhada,
Vai já rompendo o sol: vamos embora.

Este vinho, mais virgem do que a aurora,
Tão virgem não o temos na jornada…
Enchamos as cabaças: pela estrada,
Daqui inda este néctar avigora!…

Cada um por seu lado!… Eu vou sozinho,
Eu quero arrostar só todo o caminho,
Eu posso resistir à grande calma!…

Deixai-me chorar mais e beber mais,
perseguir doidamente os meus ideais,
E ter fé e sonhar — encher a alma.

[Camilo Pessanha]

Temas confirmados:

  • Liberdade e Educação
  • Igualdade e Educação
  • Equidade e Educação

E em preparação:

  • Informação e Educação

Os convidados estão confirmados na quase totalidade. Local, dias e hora a divulgar vem breve.

 

Contratação de escola – “contestação sem precedente, suspeitas de compadrio e de horários falsos”. Horários anuais e mensais. SIC e RTP

Número de alunos por turma acima do limite legal – Encerramento de escolas, concentração de alunos no centro escolar e à espera das obras da Parque Escolar, Escola Ibn  Mucana,Cascais.

Escola Básica de Santo Amaro sem professores, Lisboa.

Associação de municípios reúne como Ministério da Educação. Autarquias sem dinheiro para as actividades de enriquecimento curricular e para as refeições. Autarquia de Vizela pede ajuda aos pais.

Sim… certamente conseguiremos competir com os salários chineses…

(para quando uma terapia da fala?)

… e coisas assim. Ainda em matéria de tragédias, felizmente que não está a falar do seu desempenho como ME.

Ouvi-la dizer que os europeus desejam a liderança dos EUA faz-me lembrar um Javier Solana. Grandes cambalhotas. O que uma pessoa faz para não trabalhar o resto da vida.

Na RTP1. Será que lhe fazem perguntas a sério? E que ele responde sem coiso e tal?

Sobre o Alberto, eu perguntaria algo que em tempos, em diferente contexto, perguntei: quando é que isto tem fim?

… que pode estar na calha uma nomeação esquisita no MEC, num serviço relacionado com a supervisão da avaliação dos professores.

Estou apenas a tentar confirmar os elementos – muito detalhados, incluindo a precária situação laboral – que recebi acerca desta nomeação anunciada de alguém com ligação ao eixo relvas-canavarro como principal currículo.

“Os criminosos responsáveis por isto vão ser acusados?”

A dívida omissa da Madeira não abala a confiança de Luca Jellinek na recuperação de Portugal. Mas “não vem ajudar” na melhoria da percepção externa sobre o País, reconhece o responsável pela estratégia no mercado de dívida do Crédit Agricole. Perplexo, deixa a pergunta: “os criminosos responsáveis por isto vão ser acusados”?

E mesmo que sejam acusados? Daí até uma condenação ainda há tempo para as galinhas evoluírem para uma dentição completa.

O sempiterno líder da Confap, ao que parece, acha que se deve pedir aos alunos que saibam assinar e contar até 10 para entrarem na Universidade.

Confederação de Pais responsabiliza GAVE por redução no número de candidaturas no Ensino Superior

Arme uma barraca.

Funciona desde tempos (quase) imemoriais.

Fenprof ameaça concentrar delegação no ministério até ser recebida

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) ameaça concentrar hoje uma delegação junto ao gabinete do ministro da Educação, Nuno Crato, até ser recebida a propósito da colocação de docentes, acusando o ministério de incompetência.
.

Que tal ir encomendada umas pizzas?

Tem telefone e código postal. Tem regulamento.

Só não sabemos se…

Tribunal absolve Oliveira e Costa e Dias Loureiro

Juíza considera tribunal comum incompetente para apreciar acção do BPN contra Oliveira e Costa, Dias Loureiro e outros ex-responsáveis do grupo.

Porque ladrões são os outros, os que o fazem por esticão. Claro. Em pequena escala. Isto foi empreendedorismo.

Relembremos que é o mesmo que fez uma comunicação toda institucional por causa de uns rendilhados no Estatuto dos Açores…

Tribunal de Contas detecta novo buraco de 220 milhões na Madeira

O Tribunal de Contas está a investigar um novo buraco de 220 milhões de euros nas contas da Madeira. Esse é o montante de um recente empréstimo contraído pela Empresa de Electricidade que o governo de Alberto João Jardim desviou para pagar despesas de funcionamento.

Configurará ofensa de alguma gravidade dizer que o comportamento do PR (em, tempos o senhor Silva nas palavras do bonzo) é, neste caso e perante o povo português, de uma assinalável falta de coragem política e de aparente cedência a interesses político-partidários?

Que segredos explicarão tantos e tão longos silêncios, de tanta gente?

Le réquisitoire de la partie civile contre Jacques Chirac

Professores recebem a informação de que não serão criadas novas turmas para adultos nas prisões, ministério diz que não.

Escola privada de ensino especial encerra, 60 alunos sem aulas. Colégio Décroly.

Início do ano lectivo nos Açores, os professores têm uma semana de formação e o Corvo tem mais 4 alunos.

Fica um pedaço confuso quando não se é bom leitor, até pode ser que os ditos diferentes jornalistas sejam um braço armado da central – uma estratégia inovadora e comprovadamente eficaz. Melício continua imortal, viva a luta.