Professores sem colocação protestam no Rossio

Um protesto convocado através do Facebook’ por quatro professores, que ficaram sem colocação este ano lectivo, juntou esta tarde, no Rossio, cerca de 150 pessoas. Entre as principais reinvidicações está o direito à compensação pela caducidade do contrato, o direito à vinculação ao fim de três anos de trabalho consecutivos e a redução do número de alunos por turma.