Facturas não contabilizadas no valor de 6,78 milhões de euros foram “encontradas numa sala” do Instituto do Desporto, revelou esta terça-feira o ministro adjunto e dos Assuntos Parlamentares, Miguel Relvas, na comissão de Educação, Ciência e Cultura.

Ainda se vai “descobrir” da falsidade das facturas, deduzindo da careta d’espanto do Laurentino.