Então o melhor é mesmo darem-lhe a independência. Ficaríamos com zero derrapagens.

Derrapagem de 277 milhões da Madeira “não é novidade”

Alberto João Jardim considera que o desequilíbrio poderia ser menor “se fosse mais ampla a autonomia política” da Região.