Quem está há anos contra esta ADD não deveria ter uma proposta mais concreta do que querer apenas um modelo que seja formativo, fofinho e fon-fon-fon?