Descida nos resultados das provas de aferição, segundo o Ministério da Educação, a descida nos resultados deve-se a um maior grau de exigência das provas e dos critérios de correcção.

Pais e professores questionam a diminuição dos “chumbos” no ensino básico e alunos do secundário pedem maior exigência.