Quinta-feira, 12 de Maio, 2011


Beck, E-Pro

  • Quando se trata de criticar os erros dos sindicatos, estamos a denegrir a classe docente, a dividi-la e a destruir o sindicalismo: Não!
  • Quando se trata de criticar os erros do PSD, estamos a querer destruir as alternativas e a querer eleger Sócrates? Não!

E Santana Castilho ganha um ror de casas na corrida para a 5 de Outubro…

Passos Coelho promete melhorar programa para a educação

Pedro Passos Coelho prometeu esta quinta-feira melhorar o programa eleitoral do PSD para a educação, referindo que este mereceu críticas do professor Santana Castilho, por quem disse ter “grande admiração”.

Em seguida, Santana Castilho aproveitou “a frontalidade” de Passos Coelho e fez um discurso de contestação do programa eleitoral do PSD para a educação, que comparou ao “programa do PS de má memória”.

Os dois falavam perante uma plateia de professores, num hotel de Lisboa, na apresentação do livro de Santana Castilho “O ensino passado a limpo”, editado pela Porto Editora, com prefácio escrito por Passos Coelho.

Passos Coelho falou primeiro e, referindo-se a Santana Castilho, declarou: “Sei que ele não ficou nada satisfeito com grande parte do programa eleitoral que o PSD apresentou na área da educação. Iremos melhorá-lo”.

O presidente do PSD defendeu que o sector da educação só pode ser reformado “de uma forma cooperante” com os professores.

Mas então, fizeram o programa eleitoral por engano? Vai ter errata?

Porque bate forte.

(c) Luís Guerreiro

Zezezezezezezezeze…

O Eduardo Catroga está a dar uma entrevista na TVI.

Página seguinte »