Sem alterações o défice de 2010 ficou em 6,8%, sustenta ministro da Presidência

O ministro da Presidência afirmou hoje que, no que se refere apenas à execução orçamental, sem a introdução de alterações metodológicas na contabilização, o défice de Portugal em 2010 ficou em 6,8 por cento.

 

Assis justifica revisão do défice em alta com mudança de metodologia

O líder parlamentar socialista, Francisco Assis, escusou-se hoje a comentar a revisão em alta do défice para 2010 de 6,8 para 8,6 por cento, remetendo-se à “explicação pertinente” dada pelo ministro das Finanças sobre a mudança de metodologia.