Nem vale a pena perder tempo com links. Muito do dinheiro enterrado no BPN nunca foi orçamentado. Há coisa de 2 mil milhões ou um número assim que, quando transformado em euros, eu deixo de perceber, que precisa entrar numas contas quaisquer. O Governo manhoso queria metê-los retroactivamente em 2008, quando na altura não meteu, porque não dava jeito dizer que havia um défice do caraças. A União Europeia não deixa e diz que é para meter em 2011. Logo temos um buraco por tapar. Arranja-se um PEC4 e o povoléu que pague os despautérios dos oliveirasecostas e amigos, os loureiros e os outros com casas não sei onde.

E depois dizem que é da crise mundial.

Vão-se catar.