2011: Mais de 600 mil desempregados disputam mercado de trabalho

País entrará no próximo ano com mais de 600 mil desempregados. Há 30 anos que não se verificava um número tão elevado e os especialistas estimam que não fique por aqui.

E a grande aposta dos doutores em spin do Governo é usar este exército de desempregados como ameaça para com os os que estão empregados, empurrando-os para a opção entre a proletarização ou a perda do emprego, visto existirem muitos candidatos disponíveis a cada lugar.