Quinta-feira, 9 de Dezembro, 2010


Do tipo… não, não, não vou evocar a relação entre cronologia e bondade

Alunos entrevistam Isabel Alçada

No passado dia 1 de Dezembro, à margem da inauguração da Biblioteca Municipal José Baptista Martins, dois alunos do Agrupamento de Escolas de Vila Velha de Ródão tiveram a oportunidade de realizar uma breve mas interessante entrevista a ministra da Educação, Isabel Alçada.

(…)

Alunos – “Acha que todos os professores a consideram uma boa ministra?”

Isabel Alçada – “Eu sei que todos os meus alunos me consideravam uma boa professora! (Risos) Eu acho que sei o que é ensinar, o que é educar, porque me envolvi sempre muito no trabalho. Procuro sempre dar o meu melhor, mas sobre o facto de ser boa ministra, as outras pessoas é que podem fazer esse juízo.” […]

Escola Secundária de Camões

Posição face ao Despacho n.º 18064/2010, de 3 de Dezembro

Foi publicado no passado dia 3 de Dezembro o Despacho n.º 18064/2010 que procede à fixação do número de adjuntos dos directores dos agrupamentos de escolas e escolas não agrupadas, revogando o actual Despacho n.º 9745/2009, de 8 de Abril.

O Despacho ora revogado tem permitido a esta escola ter dois adjuntos para os cursos diurnos, visto que o número de alunos matriculados em regime diurno se situa no intervalo entre 800 a 1200. O novo despacho altera o critério alargando significativamente o intervalo para 900 a 1800 alunos.

A esta data, os efeitos desta alteração não se fazem sentir no universo dos cursos diurnos  da nossa escola, mas o mesmo não se pode dizer quanto à supressão do ponto 3 do Despacho revogado, que tem permitido que, em escolas como a nossa, com 100 ou mais alunos em regime nocturno, haja lugar à designação de mais um adjunto.

Parece que o legislador esqueceu a existência de cursos em regime nocturno – mesmo os critérios de fixação do número de adjuntos fazem sempre e apenas referência ao número de alunos em regime diurno. Se é lapso, é preocupante, se é intencional, mais preocupante será.

Não é possível pedir aos actuais elementos da Direcção que estendam o seu horário de trabalho das 8h às 24h em cada dia, ou que deixem a escola sem um elemento da direcção presente no horário pós-laboral talvez com o argumento de que se está entre adultos. São cursos com um vasto leque de modalidades, com regimes muito específicos de funcionamento, e que precisam de um acompanhamento constante sob pena de desaparecerem.

Onde ficam a educação e a formação como formas de elevar os níveis de qualificação dos jovens adultos e dos adultos?

A Direcção e o Conselho Geral da Escola Secundária de Camões consideram que, ao não contemplar a existência de um adjunto do director, para os cursos nocturnos, o Ministério da Educação pode estar a comprometer seriamente a qualidade do ensino ministrado nesta escola aos alunos que pretendam frequentar estes cursos. Esta lacuna deverá ser suprida com a maior celeridade possível.

Lisboa e Escola Secundária de Camões, 07 de Dezembro de 2010

A Presidente do Conselho Geral                                            O Director

Maria Gabriela Fragoso de Almeida                   João Jaime Antunes Alves Pires

… que conheci esta tarde e que tem uma noção muito correcta das suas prioridades. Primeiro a escabecear em cima do trabalho alheio, em seguida aproveitando o calor de quem se ausentou em serviço…

 

Student protests – live coverage

As parliament votes on higher tuition fees thousands of students are marching in London and Edinburgh. Follow the latest here.

WikiLeaks US embassy cables: live updates

Porque todos deveríamos saber quando se deve desaparecer de cena. Mais do que uma arte, pode ser um imperativo, uma percepção de algo inadiável.

Da Weasel anunciam o fim

E assim resolveram-me a escolha da música nacional da noite.

 

Faz mais sentido, até por causa dos novos programas de Português e a do(p)ção de novos manuais, mas é o segundo zague, com um zigue pelo meio.

Acordo ortográfico aplicado no ensino já no próximo ano lectivo

« Página anteriorPágina seguinte »