Segunda-feira, 1 de Novembro, 2010


Morrissey, Everyday Is Like Sunday

This is the coastal [country]
That they forgot to close down
Armageddon – come Armageddon!
Come, Armageddon! Come!

Aguentem-se… é a semana do Steven Patrick… a solo ou acompanhado.

A covert war on schools

Behind Gove’s new agenda, the state school system is being persistently undermined – which is why we have launched our new campaign.

Mais materiais comprometedores no Correntes.

… não dá para disfarçar a alegria.

Pronto, Buli, a tua é a mais… Enquanto o Jacques pensa que…

 

Faltas assinaladas pelos presentes ao Brincalhão, João Paulo Maia e Lelé Batita, mais acompanhantes dos três por razões que vamos atribuir à intempérie até apresentação de desculpa plausível.  A Caneta teve falta justificada por distúrbio direccional (foi para o Santa Isilda, o filho do Alcanena). Eu cheguei para a conversa e até me esqueci do café que me teria feito falta, atendendo às caipirinhas e caipiroskas posteriores.

Fotos da Ana Silva

tableau d’honneur

Há uns dias abordei o assunto. Hoje recebi um mail a propósito do mesmo assunto que passo a transcrever, reservando a identidade do remetente:

Boa noite,
Como o Paulo saberá, no penúltimo concurso entraram bastantes docentes para o QND e “frequentaram” a dita profissionalização em serviço.
Entretanto foi publicado o novo (velho) ECD, da sua leitura muitos entenderam que este docentes deveria iniciar a sua carreira no índice 167… mas não a DGRHE…
O artigo 10º, n.º 10 das Disposições Finais e Transitórias do DL15/2007 explicita univocamente, o que acontece aos professores que se encontravam na profissionalização em serviço à data da publicação. Se o legislador entendesse que tivessem tratamento igual aos do n.2 te-lo-ia explicitado!
.
Veja a interpretação da DGRHE!
.
Estes docentes foram esquecidos pelos sindicatos e pelas negociações. Advinhe porquê e as consequências.
Um abraço

Página seguinte »