Porque a verdade é que o FMI não entra pela porta dentro sem a autorização interna.

Porque a verdade é que as instituições internacionais não têm assim tanto interesse numa bancarrota que lhes faria perder os créditos.

Porque vejo preocupados com o chumbo do principalmente muitos daqueles que podemos associar aos piores negócios do Estado, bastando para isso ler o livro de Carlos Moreno.

Porque há que, de uma vez por todas, perceber se Sócrates os tem no sítio para levar as ameaças até ao fim, se alguém os tem mais mais fortes e aguenta a parada.