o despacho nº 4913-B/2010 continua em vigor. Informe-se do facto a DREN pelos canais devidos. Mesmo que seja pelos canais mais dolorosos.

Deixem, por um momento, de lixar a vida às pessoas.